Horário de Atendimento: 8h às 17h

Crea-GO participa de lançamento do Banco de Projetos da Sudeco, na FGM

Na última segunda-feira (19), os assessores institucionais Eng. Civ. Victor Resende e Eng. Civ. Ulysses Sena, além do líder da Área de Fiscalização do Conselho, Tec. Agrim. Marcelo Pereira, e do líder da Área de Gestão de Convênios da Fiscalização do Conselho, Eng. Contr. Autom. Roger Barcellos, participaram do Seminário Estadual de Lançamento do Banco de Projetos da Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco), no auditório da Federação Goiana de Municípios (FGM).

Dezoito prefeitos de diversos municípios goianos estiveram entre os cerca de 60 presentes no evento que apresentou a carteira de projetos estruturantes elaborada pelos técnicos da Sudeco para levar desenvolvimento às localidades do Centro-Oeste.

Durante o Seminário, Roger realizou apresentação sobre o modelo de fiscalização adotado pelo Crea-GO, realizado por meio da Plataforma ArcGIS, com informações compartilhadas por diversos órgãos de esferas municipal, estadual e federal, com os quais o Crea já tem um acordo de cooperação técnica.

O engenheiro apresentou, também, o projeto de Engenharia Pública “Casa Própria”, por meio do qual o Conselho oferece, gratuitamente, dez projetos para a construção de moradias populares em processo simples e rápido; o projeto “Horta Caseira Sustentável”, que tem como objetivo estimular o cultivo de hortaliças em estabelecimentos assistenciais, escolas, creches e outros, utilizando estrutura simples e econômica, por meio da técnica da hidroponia; e ainda o projeto “Calçada Acessível”, que apresenta os critérios técnicos para a adequação ou construção de calçadas, de forma a oferecer condições à pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida de se locomover e realizar suas atividades de forma independente e segura.

Ainda na oportunidade, os representantes do Conselho goiano convidaram todos os presentes a participarem da assinatura do acordo de cooperação com a prefeitura de Campos Verdes e a FGM, a ser realizada no dia 12 de abril, durante reunião de diretoria da Federação. Os representantes municipais se mostraram interessados em também firmar acordos de cooperação técnica com o Conselho.

Ainda durante o lançamento do Banco de Projetos, o coordenador de planos e projetos especiais da Sudeco, Carlos Henrique de Araújo Filho; e o assessor técnico da Superintendência, Sérgio Luis Machado Rodrigues da Cunha, apresentaram os modelos de centros comunitários, abatedouros municipais, bueiros estruturantes, pontes metálicas, kit pavimentação, caminhões coletores de lixo e cursos de capacitação aos governantes municipais.

O Diretor de Administração da Sudeco, João Afrânio Pimentel, explicou que a finalidade do Banco de Projetos é suprir as prefeituras do Centro-Oeste, com o objetivo de promover o desenvolvimento econômico, social e cultural dos municípios da região. Houve grande interesse no trabalho apresentado pela Sudeco, a maioria dos prefeitos presentes solicitou aos técnicos da Sudeco o envio dos projetos para que possam adaptar às localidades.

Para o presidente da FGM, Haroldo Naves, com as atuais restrições orçamentárias, o caminho mais fácil para viabilizar financeiramente os projetos da carteira da Sudeco é sensibilizar os parlamentares federais de suas regiões para a indicação de emendas ao Orçamento.

Sobre o Banco de Projetos – Entre os projetos, estão centros comunitários, abatedouros municipais, bueiros estruturais e cursos de capacitação de qualquer segmento que venha a agregar desenvolvimento à região. A Sudeco assume a parte técnica e fornecerá uma previsão orçamentária para a construção; e as prefeituras viabilizarão recursos com os parlamentares que representam os seus respectivos Estados.

 

Haroldo Naves Soares (E), João Afrânio Pimentel e Roger Barcellos (D) compõem o dispositivo de honra do Seminário
Haroldo Naves Soares (E), João Afrânio Pimentel e Roger Barcellos (D) compõem o dispositivo de honra do Seminário

Baixe nossos Aplicativos 

   



 

Redes Sociais