Horário de Atendimento: 8h às 17h

Crea-GO promove fiscalização intensiva na região da Rua 44, em Goiânia

O Crea-GO, tendo em vista a segurança da sociedade goiana e de turistas que visitam, em grande número, a região comercial da Rua 44, no Setor Norte Ferroviário, em Goiânia, iniciou ontem (27/2) e realiza até amanhã (1º/3), uma fiscalização intensiva no local. A ofensiva preventiva tem como principal foco a fiscalização de sistemas de combate a incêndio fixo ou móvel, extintores de incêndio das lojas, instalações elétricas, entre outros.

O polo comercial da 44 possui 10 ruas e 16 quadras, que abrigam mais de 12 mil estabelecimentos comerciais, segundo dados da Associação Empresarial da Região da 44 (AER44). O Crea-GO foca o trabalho de fiscalização em lojas, shoppings, galerias, hotéis, restaurantes, posto de combustíveis e outros.

 

Divididos em duplas, os fiscais do Conselho visitam lojas, shoppings, galerias, hotéis, restaurantes, posto de combustíveis e outros estabelecimentos na região
Divididos em duplas, os fiscais do Conselho visitam lojas, shoppings, galerias, hotéis, restaurantes, posto de combustíveis e outros estabelecimentos na região

Com a participação de nove agentes de fiscalização regionais nos três dias de trabalho, o Crea-GO também verifica, entre outros, Planos de Manutenção, Operação e Controle (PMOC) para sistemas de ar-condicionado central ou split; vistoria, reparos, manutenção e instalação  de elevador, elevador de carga, escada rolante e esteira rolante; de central de gás; de cerca elétrica, de CFTV (câmeras de segurança, DVR), interfones, central de alarme, central telefônica.

Também são fiscalizados antena coletiva, gerador de energia, subestação de energia elétrica, gerador de vapor, aquecedor de água, reservatório de água (limpeza e/ou impermeabilização) e controle de pragas. Parques e jardins, paisagismo (manutenção, adubação, controle de pragas, projetos e execução) também estão incluídos na fiscalização.

A execução de todos os serviços deve ser comprovada através de notas fiscais, contratos, comprovantes de pagamentos, relatórios de manutenção, ordens de serviços, projetos e outros. Todas as irregularidades encontradas serão encaminhadas para órgãos competentes, como Ação Urbana, Corpo de Bombeiros e Vigilância Sanitária.

 

Sistemas de combate a incêndio fixo ou móvel e extintores de incêndio das lojas são alguns dos principais focos da fiscalização
Sistemas de combate a incêndio fixo ou móvel e extintores de incêndio das lojas são alguns dos principais focos da fiscalização

“Hoje, a região da Rua 44 recebe muitos visitantes de todo o Brasil e há um grande acúmulo de pessoas na área das lojas. A principal preocupação do Conselho é como está o licenciamento de todos aqueles estabelecimentos. Visamos à segurança de todos aqueles que trabalham ou visitam a região, que possui muitos materiais que são combustíveis, como madeira e tecidos. Com essa fiscalização, fazemos um trabalho de prevenção de possíveis acidentes”, explica o gestor do Departamento de Fiscalização do Crea-GO, Eng. Mec. Walter Santana.

A expectativa do Departamento de Fiscalização do Crea-GO é que até o dia 1º ao menos 50% dos estabelecimentos sejam fiscalizados. O resultado será divulgado logo após o feriado de carnaval, no dia 7 de março. As obras e serviços de Engenharia na região da Rua 44 são fiscalizados recorrentemente pelo Crea-GO, no exercício diário de suas atividades, sendo a fiscalização intensiva mais uma ação do Conselho goiano visando à segurança e proteção da população de Goiás.

Sobre a Região da 44 – Segundo dados da Associação Empresarial da Região da 44 (AER44), são 20 mil pontos de vendas. Os comerciantes se dividem em 12 mil lojas nas galerias e em 8 mil barracas na Feira Hippie. A AER44 afirma que a região gera 150 mil empregos diretos e movimenta, em média, R$ 570 milhões por mês, de janeiro a setembro. Nos últimos meses do ano, o valor pode chegar a R$ 1 bilhão. Estes números fazem da região da Rua 44 o segundo maior polo atacadista do Brasil, atrás apenas no Brás, em São Paulo.

As lojas da 44 comercializam mercadorias para todos os estados brasileiros. Parte dos compradores ocupa 5 mil leitos concentrados em poucos quarteirões. Outros optam por não repousar em Goiânia. Reservam apenas um dia para as compras e vão estocando os produtos nos bagageiros dos ônibus. Há lojistas exportando produtos para países na África, da Europa e para os Estados Unidos.

 

Nove agentes de fiscalização do Crea-GO se dividem para o trabalho na região que abrange 10 ruas e 16 quadras
Nove agentes de fiscalização do Crea-GO se dividem para o trabalho na região que abrange 10 ruas e 16 quadras

Baixe nossos Aplicativos 

   



 

Redes Sociais