Horário de Atendimento: 8h às 17h

Técnicos da Emater recebem treinamento sobre Livro de Ordem e ART

Na tarde de hoje (14/5), 30 profissionais que compõem o quadro técnicos da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária de Goiás (Emater) participaram de treinamento promovido na sede do Conselho, em Goiânia, sobre o Livro de Ordem Eletrônico e a Anotação de Responsabilidade Técnica (ART).

No início do encontro, realizado no Plenário do Crea-GO, o presidente da Emater, Pedro Leonardo de Paula Rezende, agradeceu a parceria estabelecida com o presidente Francisco e reassumiu o compromisso de estreitar ainda mais a parceria com o Conselho em benefício do desenvolvimento do setor público rural de Goiás. “O Crea tem se manifestado como um parceiro de primeira ordem  na reestruturação da Emater. A nossa estratégia de qualificação do nosso quadro de servidores e a partir de agora a qualificação no quadro de colaboradores será prioridade nessa administração. Contamos com o Crea nessa parceria no sentido proporcionar condições  para qualificar o quadro da Emater e devolver a Emater o protagonismo que ela já teve no desenvolvimento rural de Goiás”, explanou.

Em sua oportunidade, o presidente abordou a importância do Sistema Confea/Crea para o exercício profissional e a fiscalização do mercado de trabalho; os benefícios dos acordos de cooperação técnica celebrados entre o Conselho e vários órgãos das esferas municipal, estadual e federal, e sobre o Business Inteligence (BI). Francisco também deixou claro que hoje que o registro da ART é uma obrigação do profissional. E acrescentou “Estamos exigindo a presença do profissional. Não só assinar. Não querermos saber só da ART, queremos a presença do profissional. Registrar a  ART só para satisfazer o Crea, isso acabou. Nós queremos valorizar nossos profissionais. A ação do Crea hoje está baseado in loco. Queremos saber se o profissional está lá trabalhando. Esse é o nosso objetivo. O documento do Crea só serve para controle nosso e não da sociedade”, afirmou.

As palestras foram ministradas pela assessora institucional Jovem Profissional, Ana Renata Volpini Litfalla, que conversou com os técnicos, abordando a importância e o embasamento legal do Livro de Ordem Eletrônico do Crea-GO e da ART e orientando sobre o correto preenchimento dos documentos. “A importância desses documentos foram demonstradas a partir do momento que eles simbolizam o resguardo do profissional. É o resguardo do profissional na autoria do projeto, em diminuir as duvidas entre o profissional e o cliente, as recomendações dadas, um contrato, um resumo de contrato de uma forma registrada e a condição do profissional de ter um acervo técnico, de uma CAT. O acervo técnico pode ser chamado de um currículo, é como a chancela de um registro no conselho, é onde temos a comprovação da existência da prestação daquele serviço, da experiência do profissional”, ressaltou.

 

Ana Renata Volpini Litfalla fala sobre a importância e o embasamento legal do Livro de Ordem Eletrônico do Crea-GO e da ART com os técnicos da Emater
Ana Renata Volpini Litfalla fala sobre a importância e o embasamento legal do Livro de Ordem Eletrônico do Crea-GO e da ART com os técnicos da Emater

Baixe nossos Aplicativos 

   



 

Redes Sociais